skip to Main Content
Cotrirosa Assume Fábrica De Rações Da Cotap

Cotrirosa assume fábrica de rações da Cotap

A partir da compra das estruturas da Cotap pela Cotrirosa, a Cooperativa assume também a fábrica de rações. A estrutura é composta por duas moegas, dois silos com capacidade de armazenagem de 3 mil sacas cada, três tulhas para carregamento com capacidade de 21 toneladas no total e um caminhão para entrega nas propriedades com capacidade de 10 toneladas. No momento, a fábrica de ração opera com uma capacidade de cinco toneladas/hora.
De acordo com coordenador da área industrial da Cotrirosa, Sanatiel Tibulo, a Cooperativa já está produzindo ração à granel para bovino de leite. “Nosso foco inicial é atender os produtores de leite da região de atuação da Cotrirosa com produto de qualidade e atendimento personalizado”, afirma Tibulo.
Desde 2014, a Cotrirosa atuava com unidades de recebimento de grãos da Cotap, com contrato de aluguel. A partir deste ano, além da fábrica de ração, toda a estrutura da Cotap: as três unidades de recebimento de grãos e o posto de combustíveis de Cândido Freire, passam a ser da Cotrirosa.
Para o presidente da Cotrirosa, Eduino Wilkomm, a fábrica vem incrementar a oferta de rações da marca Cotrirosa. “Esta fábrica é importante por possibilitar atender ainda melhor os produtores no fornecimento das rações Cotrirosa de forma à granel, já que iremos continuar com a parceria existente no fornecimento de rações ensacadas,” destaca.
A fábrica de rações foi construída na década de 80, tendo um intervalo na produção no final da década de 90 e sua reabertura de forma modernizada em agosto de 2010, em atividade até o momento.