skip to Main Content
Empresa Parceira Da Cotrirosa Premia Agricultores Destaques Em Produtividade Na última Safra De Soja

Empresa parceira da Cotrirosa premia agricultores destaques em produtividade na última safra de soja

A Timac Agro, empresa parceira da Cotrirosa há mais de 20 anos, promoveu na última terça-feira, dia 6, o evento Colher Mais. Na oportunidade, a multinacional proporcionou aos produtores uma importante abordagem relacionada ao sucesso na produção da soja. O evento também marcou o encerramento e o início do novo ciclo de um concurso simbólico de produtividade, uma parceria entre Timac Agro e Cotrirosa, há mais de cinco anos.

 

Os associados do município de Alecrim, Miro e Ervino Friske, foram destaques pela Cotrirosa, no último ciclo da cultura da soja. Mesmo em meio a uma frustração de safra, em função das condições climáticas desfavoráveis, os agricultores alcançaram uma produtividade média de 42 sacas/hectare.

 

Miro e Ervivo explicam que a orientação do Departamento Técnico da Cotrirosa e da Timac, em relação ao manejo da cultura, associado ao uso correto de fertilizantes, influenciou diretamente no resultado, junto a outros fatores. “Em primeiro lugar também está a rotação de cultura e a análise de solo. Mesmo com um ano atípico, tivemos pancadas de chuva isoladas em algumas áreas, fechando 42 sacas/hectare”, destacam os associados da Cotrirosa.

 

Douglas Wilkomm, supervisor regional de vendas da Timac Agro, também explica que o ciclo da cultura da soja não inicia no plantio. É necessário atenção para o planejamento que antecede, como análise de solo, uma boa leitura das necessidades do solo e a expectativa da produtividade que está sendo buscada.

 

“A realidade é que cada vez mais precisamos verticalizar a produção, ou seja, produzir mais numa mesma área. O Colher Mais não é um concurso, mas um programa que busca maior produtividade e, como consequência, gere mais lucratividade. É uma oportunidade para reconhecer, de forma simbólica, as maiores produtividades e trabalhos destaques, analisando toda a condução de trabalho e desenvolvimento da cultura”, explica Douglas.